Palavrasdesconexas’s Blog

Just another WordPress.com weblog

Apenas uma sugestão

 

 
(Pois eu te digo, Homem! 
Percorre primeiro os meandros da minha mente… 
Devassa primeiro as planícies do meu coração… 
Funde as duas coisas assim, sentimento e razão
E desfruta então do meu cio completo de mulher
Fátima Irene Pinto

 

escrava

Anúncios

abril 25, 2009 Posted by | Uncategorized | 2 Comentários

Meu Amigo, não sou o que pareço. O que pareço é apenas uma vestimenta cuidadosamente tecida, que me protege de tuas perguntas e te protege da minha negligência.

Khalil Gibran

abril 23, 2009 Posted by | mosaico de letras | Deixe um comentário

Lua vermelha

Tem coisas que me tocam e eu não sei porque.

Tem  algumas que me instigam e não decifro… até acho que me instigam exatamente porque não as decifro. Essa musica é uma delas… me remete a uma nostagia… uma melancolia…

Muitas vezes na madrugada viajando rio-sampa ouvia repetidas vezes no cd e me emocionava . Amo a madrugada… a liberdade da estrada.. a sensação que a estrada é minha .. que é meu o destino..

Essa letra tem a lógica dos loucos…a complexidade dos insanos.. a pureza dos profanos… dos amorais.

 

LUA VERMELHA

lua vermelha
quase sem amor
minha luz alheia
brilho sem calor

lua vermelha
branca lua preta
lambe a minha orelha
com a sua cor

lua vermelha
10 da madrugada
sapos na calçada
de nenhum país

lua vermelha
noite sem luís
toda sertaneja
eu sempre te quis

lua vermelha
minha namorada
flor desabrochada
leite de pequim

lua vermelha
noite que menstrua
lua lua lua
por cima de mim

lua vermelha
pedra que flutua
que ilumina o poste
que ilumina a rua

lua vermelha
meia de luís
toda sertaneja
eu sempre te quis

lua vermelha
ave flecha pluma
pérola madura
sono do dragão

lua vermelha
só uma centelha
dura enquanto dura
bolha de sabão

lua vermelha
fora da bandeira
bola japonesa
no céu do sertão

lua vermelha
negra de luís
toda sertaneja
eu sempre te quis

 

 

eclips1

 

 

lua-vermelha3

abril 22, 2009 Posted by | Uncategorized | Deixe um comentário

Cuidado com quem não sangra, com quem não tem nenhuma cicatriz, nenhum esqueleto no armário, nenhum corpo no porta-malas do carro, nenhuma marca do tempo e nem arrasta, vez por outra, umas correntezinhas pela casa mal-assombrada. Cuidado, sobretudo, com esses debilóides que repetem o que ouviram alguém mais debilóide ainda dizer “na vida só me arrependo do que não fiz”. 
Essa gente é um perigo.
Alguma coisa ali é péssima: ou a memória ou o caráter. Hum, ou ambos.”
(Fal Azevedo)

abril 18, 2009 Posted by | mosaico de letras | 1 Comentário

A mentira e a hipocrisia

 

“A hipocrisia é o ato de fingir ter crenças, virtudes e sentimentos que a pessoa na verdade não possui. A palavra deriva do latim hypocrisis e do grego hupokrisis ambos significando a representação de um ator, atuação, fingimento (no sentido artístico).

Essa palavra passou, mais tarde, a designar moralmente pessoas que representam, que fingem comportamentos.”

                                                          ***************

Uma das coisas que eu acho mais torpe no ser humano é a hipocrisia. Mais que a mentira. Se observa muito de hipocrisia nas pessoas que tem por maxima de vida a frase: “Ninguem tem uma frase a dizer de mal de meu caráter”.

Quando ouço isso logo imagino alguem muito dissimulado e competente pra ocultar as péssimas referencias de si próprio.

A mentira se detem a fatos, a situações. 

A hipocrisia reside na essencia do homem.

Alguem que num momento mente nem sempre é hipocrita.

Mas o hipócrita tem a mentira dentro de si como a forma mais torpe de comportamento.

                                                          ***************

O SOFRIMENTO DO HIPÓCRITA

Ter mentido é ter sofrido.

0 hipócrita é um paciente na dupla acepção da palavra; calcula um triunfo e sofre um suplício. A premeditação indefinida de uma ação ruim, acompanhada por doses de austeridade, a infâmia interior temperada de excelente reputação, enganar continuadamente, não ser jamais quem é, fazer ilusão, é uma fadiga.

Compor a candura com todos os elementos negros que trabalham no cérebro, querer devorar os que o veneram, acariciar, reter-se, reprimir-se, estar sempre alerta, espiar constantemente, compor o rosto do crime latente, fazer da disformidade uma beleza, fabricar uma perfeição com a perversidade, fazer cócegas com o punhal, por açúcar no veneno, velar na franqueza do gesto e na música da voz, não ter o próprio olhar, nada mais difícil, nada mais doloroso.

0 odioso da hipocrisia começa obscuramente no hipócrita. Causa náuseas beber perpétuamente a impostura. A meiguice com que a astúcia disfarça a malvadez repugna ao malvado, continuamente obrigado a trazer essa mistura na boca, e há momentos de enjôo em que o hipócrita vomita quase o seu pensamento. Engolir essa saliva é coisa horrível.

Ajuntai a isto o profundo orgulho. Existem horas estranhas em que o hipócrita se estima. Há um eu desmedido no impostor. 0 verme resvala como o dragão e como ele retesa-se e levanta-se. 0 traidor não é mais que um déspota tolhido que não pode fazer a sua vontade senão resignando-se ao segundo papel. É a mesquinhez capaz da enormidade. 0 hipócrita é um titã-anão.

Victor Hugo

abril 18, 2009 Posted by | Uncategorized | Deixe um comentário

 

OS PROBLEMAS DA VIDA SÃO COMO UM TARADO DOTADO.
MELHOR ENFRENTAR DE FRENTE. DE COSTAS PODE SER BEM PIOR.

abril 18, 2009 Posted by | mosaico de letras | Deixe um comentário

Teste

 

Traduza a frase abaixo: 

“Allá viene un tarado pelado, com 
su saco en las manos, corriendo 
atrás de la buseta.“ 
<

<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<
<

TRADUZIU? 
<
<
<
<
<
TEM CERTEZA? 
<
<
<
<
<
Muito bem, então veja se você 
está craque no espanhol. 

TRADUÇÃO: 

“Lá vem um tonto careca, com 
seu paletó nas mãos, correndo 
atrás do microônibus.“ 



Errou feio? 

Pois é, além de não saber 
espanhol, só pensa 
besteira, né?

 

macaco-15295

 

 

abril 17, 2009 Posted by | Uncategorized | Deixe um comentário

Sobre as *grandes* verdades

Quantas verdades existem para um mesmo e único fato?
Com o tempo a gente percebe que existem tantas verdades quantos envolvidos no episódio.
Ou melhor… tantas mais uma.
Existe a MINHA verdade… a SUA verdade….. e a VERDADE VERDADEIRA.
Que em ultima instância seria a soma de tudo… o dito…
o não dito… o sentido…o temido…o antecipado….
Seria, nessa conta,  também os fantasmas de cada um…o que se percebeu…
onde foi que doeu… onde foi que acarinhou.
A VERDADE nunca é fria… nunca vem sozinha como um
diagnóstico ou sentença. Nela vem embutida um pedacinho….
vários pedacinhos que o  outro lado não conhece.
E se conhecesse…. tanto susto haveria que causar.
 
Quando se ouve os dois lados de uma pendenga…mesmo com ambas as partes muito bem intencionadas… se ve claramente todo o universo de vida interior ali, gritando para ser ouvida… entendida.
Mas  a VERDADE… esse juiz implacável julga pelas *letras* frias do que,  friamente, lhe é apresentado.
Reflitemos sobre nossas VERDADES… e sejamos mais condescendentes com as VERDADES alheias. Por traz de toda  GRANDE VERDADE de cada um.. existem *verdadinhas*… ali… escondidas… tímidas… mas ansiando por serem vistas e ouvidas.

 

 

 

abril 12, 2009 Posted by | Uncategorized | Deixe um comentário

Tem lógica

sombras-casa1

abril 11, 2009 Posted by | falta de assunto dá nisso | 1 Comentário

Para um guerreiro

Meu querido

Poucas pessoas são tão fortes, limpas e transparentes.  E para poucas pessoas eu posso dizer:
Obrigada por fazer parte de minha vida.

Um guerreiro…um homem… um menino.

 

abril 7, 2009 Posted by | Uncategorized | Deixe um comentário